Últimas Notícias



A primeira noite do São João de Amargosa reuniu uma multidão de apaixonados pelo autêntico forró pé de serra. O AmargosaNews acompanhou tudo de perto. Coube a banda Flor Serena iniciar a festa. Na sequência, os filho da terra, Mega Xote, agitaram a Praça no Bosque que dançou e se divertiu à espera de Santana, O Cantador. O artista Cearense que pela segunda vez participa dos festejos juninos da Cidade Jardim, e como era de se esperar, fez um show inesquecível. Com um repertório recheado de lindas canções e clássicos que marcaram época, O Cantador foi de fato o destaque da noite. Na sequencia, a Banda Seu Maxixe encerou com chave de ouro o primeiro dia de festa.

Confira as imagens:

EM BREVE MAIS IMAGENS.









Como é de tradição, a cidade de Amargosa está entre as preferidas dos foliões junino. O pequeno município situado no Vale do Jiquiriçá, se transforma durante o mês de junho. A cidade enche de turistas, que movimentam os setores de serviços e aquece a economia local. Uma mega estrutura é montada na Praça do Bosque, e traz grandes atrações. Além das festas privadas, que a cada ano investem mais em estrutura e trazem atrações de peso.

Algumas cidades se preparam durante meses, muitas vezes durante boa parte do ano para o São João, é o caso de Amargosa. Esta é a época de captar recursos, de vender espaços a iniciativa privada e de dá visibilidade para atrair quem ainda não se decidiu para onde ir durante os festejos juninos.

Em 2018, o evento acontece entre os dias 21 e 24 de Junho. Foram divulgadas as atrações oficiais do Forró do Piu Piu 2018, que acontece na Fazenda Colibri. A festa acontecerá dia 23 de Junho. Os artistas já confirmados: Dorgival Dantas, Léo Santana, Wesley Safadão, Gabriel Diniz e Danniel Vieira.






Últimas Novidades:
-----Programação----- 


21/06

- 20h - Flor Serena
- 22h - Megaxote
- 00h - Santana
- 02h - Seu Maxixe

22/06

- 20h - Estrela Baiana
- 22h- Flávio José
Alceu Valença
- 00h - João Gabriel
- 02h - Estakazero

23/06

- 20h - Bando Farinha de Guerra
- 22h - Danniel Vieira
- 00h - Elba Ramalho
- 02h - Gabriel Diniz

24/06
- 20h - Oficina do Forró
- 22h - Lara Amélia
- 00h - Henrique e Juliano
- 02h - Júlio Cesar










A seleção brasileira sofreu para vencer a Costa Rica nesta sexta-feira (22). A vitória só veio aos 45 minutos do segundo tempo, com um gol de Coutinho. Neymar ampliou o placar um pouco depois, aos 51 minutos. Juninho Pernambucano, que acompanhou a partida pela transmissão da TV Globo, detonou Galvão Bueno após a partida. O ex-jogador e ex-comentarista da emissora disse, no Twitter, que o narrador passou o jogo criticando o camisa 10 do Brasil e, depois do segundo gol, quis reverter a situação.

“O cara passa o jogo criticando o Neymar, culpando até pelo pênalti sofrido. Agora quer elogiar. Galvão não para, é intocável. Faz todo mundo detonar o cara, depois do gol quer mudar. Isso sempre foi assim. Neymar é monstro e não é obrigado a arrebentar sempre. Boa Brasil”, escreveu o ex-meia.

Num segundo tuíte, Juninho ainda recomendou aos seguidores que analisem o jogo para ter opinião própria, sem se deixar influenciar pelo Galvão Bueno.

“Gente, aproveitem a copa para ter opinião própria. A maioria foi formado na escolinha do Galvão, futebol não é assim. Não gostar do lado pessoal, ok, mas aprenda a separar e analisar o jogo. A não ser q tenha sacanagem explícita”, finalizou Juninho.



A Suíça bateu a Sérvia por 2 a 1, na tarde de hoje (22), em Kaliningrado, e a definição de classificação para as oitavas de final no Grupo E da Copa do Mundo da Rússia ficou para a última rodada. Com o resultado, o Brasil assumiu a liderança da chave no saldo de gol, empatado com os suíços, cada um com 4 pontos.

O gol da equipe dos Bálcãs foi marcado logo no início da partida, aos 4 minutos do primeiro tempo, pelo centro-avante Mitrovic, de cabeça, após receber um cruzamento na medida de Tadic pelo lado direito do campo.

O time adversário empatou aos 7 minutos da etapa final com um golaço de Xhaka, que pegou bem o rebote de fora da área, depois de a bola explodir na zaga com um forte chute de Shaqiri. A virada saiu no finalzinho, aos 45, com Shaqiri, que recebeu o retorno da gentileza de Xhaqa, entrou sozinho na grande área e tocou de leve na saída do goleiro Stojkovic.

Com o resultado, o Brasil joga pelo empate com os sérvios, na próxima quarta-feira (27), às 3h da tarde, na Arena Spartak, em Moscou, para assegurar uma das vagas da chave.

No mesmo dia e horário, a Suíça vai enfrentar a eliminada Costa Rica, em Nizhny Novgorod, e tentar superar a diferença no saldo de gols. (Metro1)



O governo Michel Temer (MDB) quer congelar a adoção de regras que aumentariam o tempo que os futuros professores da educação básica passam na faculdade.

Segundo a coluna Painel, da Folha de S. Paulo, o CNE (Conselho Nacional de Educação) concluiu em 2015 uma resolução com as diretrizes para os cursos de formação de professores, com ampliação da carga horária.

As regras passariam a valer em 2017, mas foram adiadas por um ano a pedido do MEC. O novo prazo vence em julho – a pasta, porém, pediu novo adiamento e não fixou nem previsão para as mudanças.

A má qualidade dos cursos de formação dos professores é apontada por especialistas como um dos principais gargalos educacionais do país.



Morreu hoje (22) o ex-governador e ex-vereador Waldir Pires. Ele tinha 91 anos e estava internado no Hospital da Bahia, em Salvador, com um quadro de pneumonia.

A informação foi confirmada pela unidade de saúde, em nota. "O paciente teve parada cardiorrespiratória, não respondendo às manobras de reanimação e veio a óbito", informou.

O governador Rui Costa decretou luto oficial de cinco dias no estado e afirmou, em comunicado oficial: "A Bahia e o Brasil não perdem apenas um político. Waldir Pires era um exemplo de caráter e retidão, na vida pública e na vida privada. Dedicou boa parte de seus 91 anos à defesa da cidadania e à construção de um Brasil melhor. Esse legado serve de herança e inspiração para todos nós. Com temperança e coragem, bem ao seu estilo, levaremos adiante seus ideias. Meus sentimentos, em especial à família e aos amigos, e que Deus nos conforte a todos".

Também por nota, o prefeito de Salvador, ACM Neto, lamentou a morte de Waldir. “Estivemos em lados opostos, mas Waldir nos lega o exemplo de homem público que exerceu com serenidade o seu papel na política. É um personagem de relevância que escreveu seu nome na história de nosso país. Meus sentimentos aos seus familiares e amigos”, afirmou, ao confirmar que a cidade vai seguir o mesmo prazo do luto estadual.

Em contato com a Rádio Metrópole, o prefeito de Feira de Santana, Colbert Martins, anunciou luto oficial de três dias na cidade e definiu o ex-ministro como “uma das pessoas que ajudaram a construir a história da Bahia”.



Alto Comissário da ONU para os Direitos Humanos, Zeid Ra'ad Al Hussein classificou de "lamentável" a situação na Venezuela, pediu a criação de uma comissão de investigação internacional e defende um "compromisso crescente" do Tribunal Penal Internacional (TPI).

"A situação dos direitos humanos dos venezuelanos é lamentável", afirmou em comunicado, no qual denuncia a política do governo de Nicolás Maduro de repressão dos opositores, que incluem execuções extrajudiciais, detenções arbitrárias e a tortura com agressões sexuais, simulações de execução e descargas elétricas.

O relatório foi divulgado após a publicação de um primeiro informe do Alto Comissariado, em agosto de 2017, que denunciava "o recurso generalizado e sistemático da força excessiva durante as manifestações, assim como a detenção arbitrária de manifestantes e supostos opositores políticos". (Metro1)



Com sofrimento, o Brasil, enfim, venceu a primeira partida na Copa do Mundo da Rússia, ao bater a Costa Rica hoje (22), por 2 a 0, em São Petersburgo, no final do jogo. Com o resultado, a seleção canarinho assumiu provisoriamente a liderança no Grupo E da competição, com 4 pontos, e voltou a depender de si para passar às oitavas de final.

Com dificuldades para furar a retranca adversária, a equipe comandada por Tite explorou as jogadas com Willian, pelo lado direito, e os chutes de fora da área e passou o primeiro tempo em branco. A equipe adversária tentou surpreender nos contra-ataques, mas não levaram perigo à meta de Alison.

Em função da pouca objetividade, o atacante do Chelsea foi substituído por Douglas Costa no intervalo pelo técnico Tite.

Mais incisivo após a mudança, a equipe conseguiu boas chances, como uma bola na trave em uma cabeçada de Gabriel Jesus, cinco minutos, e uma bela defesa de Navas em um chute de Neymar, aos 10. Com a persistência do 0 no placar, aos 22 o treinador optou por outra mudança, agora arrojada: saiu o volante Paulinho para a entrada do avançado Firmino.

Aos 33 minutos da etapa final, o time brasileiro ainda teve um pênalti anulado após intervenção do árbitro de vídeo, que comprovou uma simulação de Neymar, que alegou ter sido puxado na área e se jogou no gramado.

Apesar da pressão, o time brasileiro só abriu o marcador aos 45 minutos da etapa final, com Phillippe Coutinho, após uma jogada chorada na área com Firmino e Gabriel Jesus. O segundo veio aos 51, com Neymar, que aproveitou livre na área o cruzamento de Douglas Costa.

O Brasil agora vai enfrentar a Sérvia, na próxima quarta-feira (27), às 3h da tarde, na Arena Spartak, em Moscou. Um empate pode garantir o acesso à próxima fase e um novo triunfo pode dar a primeira colocação da chave ao time verde e amarelo.

Eliminada, a Costa Rica vai apenas cumprir tabela contra a Suíça, que também disputa a classificação, no mesmo dia e horário, em Nizhny Novgorod. (Metro1)



A Nigéria venceu a Islândia por 2 a 0, na tarde de hoje (22), em Volgogrado, assumiu a segunda posição no Grupo D da Copa do Mundo da Rússia, com 3 pontos, e deu sobrevida à Argentina, próximo adversário dos verdes.

O primeiro tento africano saiu aos 3 minutos do segundo tempo com um golaço do atacante Musa, após contra-ataque pelo flanco direito puxado por Moses. O atacante recebeu a bola na área, dominou com o pé direito e fuzilou a meta do goleiro Halldórsson.

O mesmo Musa definiu o placar, aos 29 da etapa final, depois de receber um lançamento, ganhar na velocidade do zagueiro Árnason, driblar o goleiro e tocar para o fundo da rede.

A equipe escandinava ainda teve chance de diminuir aos 37, com o armador Sigurdsson, que mandou a cobrança de pênalti na lua. A infração foi marcada com auxílio do árbitro de vídeo, que viu falta do lateral-direito Ebuehi sobre o avançado Finnbogason dentro da área.

O confronto direto da Nigéria – que se classifica se vencer – contra a Argentina será na próxima terça-feira (26), às 3h da tarde, em São Petersburgo. No mesmo dia e horário, em Rostov, a Islândia vai precisar ganhar da líder Croácia e torcer por um triunfo simples dos portenhos para não voltar mais cedo para casa. (Metro1)



Triplicaram as mortes de crianças por gripe este ano em todo o país, de acordo com dados divulgados pelo Ministério da Saúde.

Ao todo, 44 vítimas da doença foram registradas ante os 14 óbitos contabilizados no mesmo período do ano passado.

Ainda segundo a pasta, até o momento, 3,6 milhões de crianças menores de cinco anos, público prioritário da Campanha Nacional de Vacinação, não foram imunizadas.

Crianças foram as que menos se vacinaram este ano, com o porcentual de 67,7%. (Metro1)




O plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) derrubou, por unanimidade, trechos da reforma eleitoral de 2009 que impediam as emissoras de rádio e televisão de fazer trucagem, montagem ou sátiras com candidatos durante o período eleitoral. Esses dispositivos estavam suspensos liminarmente pelo plenário da Corte desde setembro de 2010. O julgamento de mérito da questão foi iniciado nessa quarta-feira (20), quando cinco ministros se manifestaram pela inconstitucionalidade dos dispositivos questionados pela Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e TV (Abert). Votaram hoje os ministros Luiz Fux, Ricardo Lewandowski, Gilmar Mendes, Marco Aurélio Mello, Celso de Mello e Cármen Lúcia. O consenso entre os integrantes da Corte é de que a lei, que restringe a atividade humorística nos três meses que antecedem as eleições, fere a liberdade de expressão e o direito à informação. Presidente da Suprema Corte, Cármen Lúcia formou o 11º e último voto para derrubar os dispositivos. Para a ministra, o que se pretendeu na lei foi impedir, a possibilidade de questionamentos ou contestações por meio do humor. “Aprendi que liberdade é expressão, o que não se pode expressar é carente de liberdade. Censura é a mordaça da liberdade, quem gosta de censura é ditador”, disse a ministra. “A crítica ácida mantém-nos alertas para as possibilidades de aperfeiçoamento”, continuou Cármen. O decano da Corte, que votou na sessão de hoje, fez um voto contundente em defesa da liberdade de expressão e do humor. “Não há pessoas nem sociedades livres sem liberdade de expressão, comunicação, informações e criação artística, mostrando-se inaceitável qualquer deliberação estatal cuja implantação, execução, importe no controle do pensamento crítico”, disse Celso. Para o ministro, o humor e o riso assumem relevante importância na democracia, porque constituem “papel de poderoso instrumento de reação popular”. “O humor como causa e o riso como consequência, notadamente como corrosivo, são instrumentos de desconstrução de ordem autoritária impregnada de corrupção”, afirmou o decano. Na sessão de ontem, o ministro Alexandre de Moraes, relator da ação, afirmou que a lei traz o “traço marcante da censura prévia, com seu caráter preventivo e abstrato”. “A lei pretende interditar o conteúdo que se pretende futuramente expressar. Aqui não é só exercício de futurologia, como também, mais grave, o excesso de paternalismo, de querer o poder público escolher o que o indivíduo e, no caso, o cidadão pode ouvir, pode ver, o que ele pode ou não ter acesso”, disse Moraes. No entendimento do ministro, quem não quer ser criticado ou satirizado deve ficar em casa. “Não seja candidato, não se ofereça ao público, não se ofereça para exercer cargos políticos, essa é uma regra que existe desde que o mundo é mundo”, frisou. Ao votar nesta quarta, o ministro Lewandowski destacou que a prática da democracia é “indissolúvel” à liberdade de expressão e necessariamente associada ao pluralismo de ideias e de visão de mundo. Gilmar Mendes, que também votou por derrubar as proibições, aproveitou o momento para criticar as fake news. “Nós temos casos de notícias fraudulentas que prejudicaram candidatura. Tudo isso pode ocorrer no processo eleitoral e exige de nós um escrutínio muito severo”, disse. “Muitas reprodutoras de televisão nos Estados estão em mãos de famílias de políticos. Cada político tem um direcionamento, e pode ocorrer algum abuso. Nada exclui essa possibilidade, ou que uma orientação editorial leve a fazer um noticiário massivamente contra um determinado candidato. E aqui há o relevante direito de resposta. É preciso ter muito cuidado com essa temática, nem proibir e nem dizer que aqui é o campo em que tudo é permitido, porque de fato isto pode ser decisivo para o processo eleitoral”, ponderou Gilmar. O presidente do Superior Tribunal Eleitoral (TSE), ministro Luiz Fux, afirmou hoje que as disputas eleitorais exigem maior apreço da liberdade de expressão e pensamento, “cenário que recomenda uma intervenção minimalista do poder judiciário nas manifestações próprias do debate eleitoral”. Próxima presidente do TSE, a ministra Rosa Weber destacou ontem que “processo eleitoral não é Estado de sítio”. “Se podem as emissoras de rádio, fora do período eleitoral, produzir e veicular charges, sátiras e programas humorísticos que envolvam partidos políticos, pré-candidatos e autoridades em geral, também podem fazê-lo no processo eleitoral”, concluiu a ministra, que assume o comando do TSE em meados de agosto. Em seu voto, o ministro Luís Roberto Barroso afirmou que a liberdade de expressão deve ter posição preferencial, porque o Brasil tem em seu passado “uma história de desrespeito à liberdade de expressão” e porque a livre circulação de ideias, informações e opiniões é “pressuposto para o exercício de muitos outros direitos fundamentais”. “A liberdade de expressão é um pressuposto da democracia, não é garantia de verdade, não é garantia de justiça. E também concordo com ministro Alexandre de Moraes: quem se dispõe a vir para espaço público tem que aceitar com uma certa resignação a crítica construtiva, destrutiva, bem informada, desinformada de democracia, de quem tem interesses bem afetados”, observou Barroso, que será vice-presidente do TSE durante as eleições.

*BN



As cidades de Cruz das Almas, no Recôncavo da Bahia, e Amargosa, no Centro-Sul do estado estão com as passagens esgotadas para o curtir o São João, na rodoviária de Salvador.

Para os destinos menos procurados, no entanto, há ainda passagens disponíveis para sair ainda agora pela manhã, mas a procura também tem sido grande.

Segundo a Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Energia, Transportes e Comunicações da Bahia (Agerba), da segunda (18) até sábado (23), 162 mil pessoas devem passar pelo terminal. A movimentação é superior à registrada no ano passado, quando 160 mil passageiros estiveram na rodoviária.



Seis sindicatos baianos foram suspensos pelo Ministério do Trabalho para investigação de possíveis irregularidades. A medida vale por 90 dias. Entre os sindicatos suspensos estão: o Sindicato dos Petroleiros da Bahia (Sindipreto), dos Trabalhadores em Telecomunicações do Estado (Sintell), das Empresas de Transporte Rodoviários de Veículos e dos Transportadores Autônomos de Veículos, dos Trabalhadores Autônomos de Veículos, dos Trabalhadores da Agricultura Familiar de Feira de Santana, dos Pescadores de Sento Sé, dos Empregados em Turismo e Hospitalidade de Jequié e Região.

De acordo com o Diário Oficial da União, os sindicatos devem apresentar as certidões para serem reanalisadas por uma comissão mista composta por três servidores da Secretaria de Relações do Trabalho.

As informações são da coluna Satélite, do jornal Correio.



Começa hoje (22) o prazo de matrícula para os estudantes selecionados no Sistema de Seleção Unificada (Sisu). O resultado está disponível na página do programa. Aqueles que foram aprovados devem ficar atentos aos dias, horários e locais definidos por cada instituição de ensino.

Nesta edição, o Sisu oferece 57.271 vagas em 68 instituições públicas de ensino superior em todo o país. O prazo para os selecionados se matricularem vai até o dia 28.

Lista de espera

Aqueles que não foram selecionados poderão participar da lista de espera. O prazo para que isso seja feito começa também hoje e vai até o dia 27. A convocação dos candidatos em lista de espera será de 3 de julho a 21 de agosto. Para participar, basta acessar o sistema na internet e confirmar o interesse.

A lista de espera vale apenas para a primeira opção de curso feita na hora da inscrição. Além dos candidatos que não foram selecionados em nenhuma das opções, podem participar aqueles que foram selecionados para a segunda opção de curso, feita também na hora da inscrição.

Sisu

O Sisu oferece vagas no ensino superior, em instituições públicas. Nesta edição, puderam concorrer os estudantes que fizeram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em 2017 e obtiveram nota acima de zero na redação.

As vagas serão oferecidas em oito instituições públicas estaduais, uma faculdade pública municipal e 59 instituições públicas federais, com dois centros de Educação Tecnológica, 27 institutos federais de Educação, Ciência e Tecnologia e 30 universidades. (iBahia)




A Polícia Rodoviária Federal (PRF) na Bahia deu início desde às 0h desta quinta-feira (21/6) à Operação São João 2018. Ela prossegue até às 23h59 da próxima segunda-feira (25/6). O excesso de velocidade é a infração de trânsito mais cometida nas rodovias federias do estado. Ciente disso, a PRF operará com 11 radares medidores de velocidade portáteis, dispostos ao longo dos pontos com maior probabilidade de ocorrerem acidentes. Além dos equipamentos portáteis, estarão em operação os radares fixos ao longo das BRs 324 e 116.

Segundo a PRF-BA, outra prática a ser combatida durante os festejos junino é o de dirigir sob efeito de álcool. Ao todo, nove BRs terão a fiscalização reforçada neste período. São elas: BR 324 – Entre Salvador e Feira de Santana; BR 324 – Entre Feira de Santana e Capim Grosso; BRs 324 e 116 – Anel Viário de Feira de Santana; BR 116 – Euclides da Cunha, Itatim e Jequié; BR 407 – Entre Capim Grosso e Juazeiro, com ênfase nas proximidades de Senhor do Bonfim; BR 101 – Entre a saída para a BR 324 até Santo Antônio de Jesus; BR 101 – Entre Itabuna e Eunápolis; BR 415 – Principalmente nas proximidades de Ibicuí e BR 367 – Entre Eunápolis e Porto Seguro.

Para evitar maiores transtornos com enormes congestionamentos, a PRF dá dicas – com rotas alternativas – aos motoristas que irão trafegar pelas principais rodoviais neste São João. Confira abaixo:

Rota para BR 101 norte: Salvador (via paralela) x Rodovia CIA/Aeroporto x Camaçari (Via parafuso) x BA 093 até a entrada de Lamarão x BA 512 (26 km de ligação entre Camaçari e São Sebastião do Passé) x BR 110 (ligação entre São Sebastião do Passé e Alagoinhas) x BR 101;

Rota para BR 101 sul: Salvador (via paralela) x Rodovia CIA/Aeroporto x Camaçari (Via parafuso) x Candeias (via canal de tráfego) x São Francisco do Conde (via BA 522) x Santo Amaro (via BA 120) x Cachoeira (via BA 120 x São Félix (via BA 120 x Muritiba (via BA 120) x BR 101. (Aratu)




O melhor São João do Brasil começa hoje, em Amargosa. A Praça do Bosque espera receber cerca de 80 mil pessoas para curtir várias atrações. Neste primeiro dia de festejo, subirão ao palco: Flor Serena, Megaxote, Santanna e Seu Maxixe, além de bandas locais.

O AmargosaNews trás todos os detalhes do São João 2018 de Amargosa.

Acompanhe tudo sobre o São João de Amargosa aqui.




O Supremo Tribunal Federal decidiu hoje (20), por 8 votos a 3, que a Polícia Federal pode negociar e celebrar acordos de delação premiada mesmo sem anuência do Ministério Público.

De acordo com o G1, na avaliação da maioria dos ministros do STF, a autorização não fere a Constituição nem prejudica o poder do MP.

Pela decisão, a PF poderá sugerir punições aos delatores, mas a palavra final será do juiz. A Polícia Federal não poderá, contudo, inteferir nas atribuições do MP, ao combinar com os delatores, por exemplo, que não será oferecida denúncia.

Em crimes federais, como suspeitas de lavagem de dinheiro ou corrupção de verba federal, é a Polícia Federal quem negocia acordos de delação, mas a decisão do Supremo autoriza também que a Polícia Civil firme acordos, conforme prevê a a Lei 12.850/2013.

A Procuradoria Geral da República pediu ao Supremo que declarasse a possibilidade inconstitucional. A PGR argumentou que o Ministério Público "funciona como filtro contra o desvio do sistema punitivo e seu uso como instrumento de justiça privada, assim como na colaboração premiada deve funcionar como filtro contra a ânsia vingativa".


Author Name

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.