segunda-feira, 27 de março de 2017



A Polícia Civil de Castro Alves, deu cumprimento ao mandado de prisão preventiva em desfavor de Luciano de Paula Silva, mais conhecido por “Luciano Cigano”, acusado de Estupro e tentativa de Homicídio em face de sua ex-companheira Ana Lucia C. de Jesus, fato ocorrido no dia 19/07/2016, na Cidade de Castro Alves.

O fato ganhou forte repercussão na Cidade de Castro Alves, pela forma cruel como o crime foi praticado e pelo motivo fútil, insignificante, vale dizer, devido a vítima estar cobrando a pensão alimentícia do filho menor de idade.

De acordo com as investigações, o acusado, cigano que possui boa condição financeira, mas que não aceitava pagar pensão para o filho, uma criança de pouca idade, teria atraído a sua ex-companheira para um Loteamento onde há poucas residências. No local, o acusado amarrou as mãos da vítima para trás e manteve relações sexuais forçadas, mediante violência. Após, não satisfeito, iniciou uma sessão de agressões físicas, utilizando para tanto de um cabo de madeira, aplicando vários golpes, inclusive na cabeça da vítima indefesa e, percebendo que a mesma estava desmaiada, aparentemente sem vida, arrastou o corpo até um matagal, onde o abandonou. Ocorre que, após um tempo, a vítima conseguiu acordar e, mesmo ensangüentada, com o rosto desfigurado, se arrastando pelo chão, conseguiu pedir ajuda a um parente que residia próximo, que a levou para o hospital, conseguindo salvar a sua vida.

Diante da gravidade dos fatos, após arregimentar provas suficientes, a Delegada de Castro Alves representou pela prisão preventiva do acusado, que se encontrava foragido até a presente data. Como não há crime perfeito, o suspeito foi preso em flagrante delito na data de ontem, 26/03/2017, por porte ilegal de arma, na Cidade de Muritiba, sendo de pronto reconhecido por policiais civis de Castro Alves, após ver o nome do suspeito nas redes sociais.

O acusado está recolhido na carceragem de Castro Alves, a disposição da Justiça Criminal. (Polícia Civil)

Comentários da Notícia: