sexta-feira, 14 de abril de 2017




Imagine se uma das maiores empresas de infraestrutura tecnológica se tornasse dona de uma das principais empresas de conteúdo do mundo? Imagine os valores envolvidos nessa transação? Pois foi exatamente o que uma avaliação de um relatório de economia da revista Variety fez. De acordo com o colunista do 'Uol', Alexandre Matias, o possível resultado pode mudar completamente os rumos do entretenimento, da cultura e da tecnologia num futuro bem próximo.

De acordo com uma análise feita pela empresa RBC Capital Markets, a Apple, uma das principais empresas do mundo, poderia comprar a Disney por US$ 200 bilhões. A compra, por sua vez, poderia fazer da empresa a primeira corporação do mundo a valer um trilhão de dólares.

Essa possibilidade, contudo, trouxe perspectivas ainda maiores do que os númerps. A junção destas duas gigantes poderia significar o monopólio de um mercado de entretenimento e tecnologia mundial. A transação, que não poderia ser realizada rapidamente por uma série de questões fiscais e legais, daria início a uma nova era de compras e megafusões.

Além de todo o universo criado ou cooptado por Walt Disney no decorrer do século vinte, a Disney também é dona de multiversos bilionários inteiros, como a Pixar, a Marvel e a Lucasfilm. (iBahia)

Comentários da Notícia: