quarta-feira, 5 de abril de 2017


O cofre da agência do Banco do Brasil do município de Urandi, no Centro-Sul da Bahia, foi explodido na madrugada desta quarta-feira (5) por 15 homens armados. O crime aconteceu por volta das 2h40 da manhã e a quantidade de dinheiro roubada ainda não foi contabilizada. De acordo com a delegacia da cidade, os policias estão em busca dos responsáveis e ainda não existem suspeitos.

A perícia identificou que os bandidos utilizaram bombas de dinamite e fugiram logo após a explosão, sem fazer reféns ou deixar feridos. Os caixas eletrônicos não eram o alvo da ação, mas foram danificados. Todo o resto da agência ficou destruído, inclusive equipamentos de informática, que foram queimados, e paredes e vidros, que foram quebrados.

O Banco do Brasil informou que a unidade ficará fechada por tempo indeterminado e que os clientes do local devem se dirigir a agência de Guanambi, localizada a 66,7km da cidade.

Mesmo quem morava distante do Centro, onde fica a agência, conseguiu ouvir o som da explosão e despertou assustado. “Quando escutei o barulho, tive certeza que era mais um banco sendo roubado. Está sendo tão comum que a gente nem se abala mais”, contou a atendente Maria Aparecida, 42 anos, que trabalha em uma loja na cidade.

O delegado do município, Marcos Trecemel, revelou que no ano passado o mesmo banco sofreu um assalto e que tem sido difícil combater esse tipo de crime no interior por conta da pouca quantidade de policiais. “Não tenho como realizar ações preventivas contra essa situação dos bancos porque aqui só temos dois policias trabalhando diariamente”, disse.

Esse tipo de crime tem se tornado cada vez mais comum no interior. Na madrugada de ontem, um grupo de 20 homens armados explodiu e levou todo o dinheiro da agência do Banco do Brasil do município de Boa Nova, no centro-sul do estado. Segundo o registro do Sindicato do Bancários, esse é o 19° assalto a banco que acontece no interior da Bahia em 2017. (Correio)

Comentários da Notícia: