terça-feira, 23 de maio de 2017



Os ex-governadores do Distrito Federal José Roberto Arruda e Agnelo Queiroz, além do ex-vice Tadeu Felippeli estão na mira da Polícia Federal, na manhã desta terça-feira (23). De acordo com informações da PF, mandados de prisão foram expedidos e já estão sendo cumpridos pelos agentes.

A ação tem como base a delação da empreiteira Andrade Gutierrez, que indica corrupção durante a construção do estádio Mané Garrincha — o mais caro da Copa de 2014. O orçamento inicial que girava em torno de R$ 600 milhões, terminou com o custo de R$ 1,575 bilhão.

Agentes públicos, construtoras e operadores das propinas que atuaram na época também são alvo da operação. (AGBrasil)

Comentários da Notícia: