terça-feira, 20 de junho de 2017




A Corte de Apelações de Paris condenou o deputado federal Paulo Maluf (PP) a três anos de prisão, além de sentenciar o parlamentar a pagar uma multa de 200 mil euros (o equivalente a quase R$ 800 mil) por lavagem de dinheiro.

De acordo com o jornal Estadão, a Justiça francesa condenou ainda a mulher do deputado, Sylvia Lutfalla Maluf, e o filho mais velho do casal, Flávio Maluf, pelo mesmo crime. A sentença determinou também o confisco de 1,8 milhão de euros em contas do deputado e de seus familiares.

Em 2015, o ex-prefeito de São Paulo já havia sido condenado pela Justiça em Paris por lavagem de dinheiro. (Metro1)

Comentários da Notícia: