Força Nacional pode reduzir efetivo se não houver suplementação de R$ 120 milhões



A Força Nacional considera a possibilidade de reduzir o efetivo em 1.550 homens, se não receber do governo federal suplementação orçamentária de R$ 120 milhões. Um memorando enviado pelo coordenador João Goulart dos Santos ao Ministério da Justiça indica que o que há em caixa não garante pagamento de passagens aéreas e diárias de seu efetivo. E ainda que desmobilizasse os 1.550 homens da Força até 31 de julho, seria preciso remanejar recursos de outras áreas da pasta para cobrir o déficit do grupamento. De acordo com a coluna Painel, da Folha de S.Paulo, o Ministério da Justiça informou que "a situação está sob análise" e que "assim que concluir as avaliações, adotará a solução cabível". A Força Nacional apoia municípios e estados em situações de urgência ou calamidade. Atualmente atua na crise de segurança pública do Rio de Janeiro. (BahiaNotícias)
Marcadores:
[facebook][blogger]

Author Name

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.