sábado, 1 de julho de 2017




As provocações entre o governo e a prefeitura de Salvador continuam e foi a vez do ex-governador Jaques Wagner (PT) criticar o prefeito ACM Neto (DEM). Em entrevista ao site Bahia.ba nesta sexta-feira (30), o petista afirmou que as constantes viagens do democrata para Brasília fazem parte de um novo "golpe" para colocar o líder da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, no cargo de presidente.

“Não tenho dúvida: é o golpe dentro do golpe. Fizeram o primeiro golpe para tirar Dilma. Querem fazer o segundo golpe para tirar Temer e botar Rodrigo Maia. Eu não tenho a menor dúvida. Eles tentam escamotear, mas torcem muito mais do que nós. Eu torço pela saída do Temer para uma eleição antecipada. Se for para sair o Temer e eleger outro golpista, com a mesma Câmara que deu o golpe, não muda nada para mim. Nós estamos na briga contra Temer, contra as reformas. Neto está colado com isso tudo. Sonhando pelo Fora Temer para entrar Rodrigo Maia, que é mais perto dele”, acusou Wagner, durante o ato contra o governo Temer, no Campo Grande. (Metro1)

Comentários da Notícia: