domingo, 23 de julho de 2017


O governador do Espírito Santo, Paulo Hartung (PMDB), fez duras críticas ao aumento de impostos feito pelo governo federal durante a última semana. Em entrevista ao jornalista Gerson Camarotti, ele avaliou que a "farra fiscal" teve início ainda no governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, passando também pelas gestões de Dilma Rousseff e Michel Temer. "O governo está aumentando os impostos agora porque não fez o que deveria ter feito, não fez o dever de casa. Temer está aumentado custos em plena crise. Ele não fez o que era preciso desde o primeiro momento - redução de custeio", disse Hartung. O governador destacou que o Espírito Santo não aumentou nenhum imposto por ter decidido reduzir o custeio. Na última quinta-feira (20), o governo federal decidiu dobrar a alíquota do PIS e Cofins que incide sobre os combustíveis, passando de R$ 0,38 por litro para R$ 0,79 por litro. Com a medida, o preço dos combustíveis nos postos aumentou logo no dia seguinte. (BN)

Comentários da Notícia: