sábado, 29 de julho de 2017



Em meio a críticas, o governo decidiu reduzir a tributação do Programa de Integração Social (PIS) e a Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social (Cofins) sobre o etanol. A redução foi de R$ 0,08 por litro vendido pelo distribuidor. Na última semana, quando anunciou o aumento do PIS/Cofins sobre os combustíveis, o governo estipulou o preço de R$ 0,1964. Em edição extra do Diário Oficial desta sexta (28), esse valor foi reduzido para 0,1109. Segundo informações da Agência Brasil, além da reclamação do setor sucroalcooleiro, que afirmou temer perda de competitividade em relação à gasolina, a Receita Federal confirmou que o aumento foi acima do índice permitido, que não poderia ser superior a 9,25% do preço médio ao consumidor nos últimos 12 meses. Assim, de acordo com a previsão de arrecadação já divulgada, os cofres do governo deixarão de receber R$ 501,62 milhões. (BahiaNotícias)

Comentários da Notícia: