• Tribunal Regional Federal decide manter Eduardo Cunha em prisão preventiva

    Repórter: AmargosaNews.com
    Publicado: quarta-feira, 19 de julho de 2017
    A- A+



    Nesta terça-feira (18), o Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1) decidiu manter em prisão preventiva o ex-presidente da Câmara dos Deputados Eduardo Cunha, preso desde outubro do ano passado em Curitiba. A 3ª Turma do TRF-1 analisou o decreto de prisão determinado recentemente, em junho, pela Justiça Federal em Brasília, que tem como base a Operação Cui Bono e Sépsis. As investigações apuram irregularidades na concessão de empréstimos pela Caixa com recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).

    Os três desembargadores entenderam que a prisão preventiva deve ser mantida por causa do risco de novos crimes, com destaque para lavagem de dinheiro através da movimentação de contas fora do país.

    Eduardo Cunha também está preso por outras três decisões judiciais. Uma delas é da Justiça Federal em Curitiba, a outra da Justiça Federal em Natal, e uma terceira foi determinada pelo Supremo Tribunal Federal, em Brasília. Ainda que o ex-presidente da Câmara tivesse decisão favorável no TRF-1, permaneceria preso no Paraná. (Metro1)

    Categorias:

    POLÍTICA
  • Comentários