quinta-feira, 3 de agosto de 2017




Em sessão iniciada na tarde desta quarta-feira (2), que durou cerca de seis horas, a Câmara dos Deputados decidiu arquivar a denúncia contra o presidente Michel Temer, por crimes cometidos no exercício do mandato. Ao todo, 38 deputados federais baianos fizeram parte da votação, com uma abstenção, a do deputado Ronaldo Carleto (PP-BA). Na Bahia, o placar foi de 21 favoráveis à denúncia e 17 contrários à ação contra Temer.

Votaram contra o presidente: Afonso Florence (PT-BA); Alice Portugal (PCdoB-BA), Antônio Brito (PSD-BA); Bacelar (PODEMOS-BA); Bebeto (PSB-BA); Caetano (PT-BA); Daniel Almeida (PCdoB-BA); Felix Mendonça Jr (PDT-BA); Fernando Torres (PSD-BA); João Carlos Bacelar (PR-BA); João Gualberto (PSDB-BA); Jorge Solla (PT-BA); Irmão Lázaro (PSC-BA); José Nunes (PSD-BA); Josias Gomes (PT-BA); Jutahy Jr (PSDB-BA); Nelson Pellegrino (PT-BA); Paulo Magalhães (PSD-BA); Sérgio Brito (PSD-BA); Uldurico Junior (PV-BA); Valmir Assunção (PT-BA) e Waldenor (PT-BA)

Votaram a favor de Temer: Antonio Imbassahy (PSDB-BA); Athur Maia (PPS-BA); Benito Gama (PTB-BA); Cacá Leão (PP-BA); Cladio Cajado (DEM-BA); Elmar Nascimento (DEM-BA); Erivelton Santana (PEN-BA); ; José Carlos Aleluia (DEM-BA); José Carlos Araújo (PR-BA); José Rocha (PR-BA); Lúcio Vieira Lima (PMDB-BA); Márcio Marinho (PRB-BA); Mário Negromonte Jr (PP-BA); Pastor Luciano Braga (PRB-BA); Paulo Azi (DEM-BA) e Roberto Britto (PP-BA)


Ausente: Ronaldo Carleto (PP-BA) (Metro1)

Comentários da Notícia: