quarta-feira, 6 de setembro de 2017



O número de casos de gripe no Brasil caiu 81% este ano em relação ao ano passado, com 2.070 casos e 361 óbitos até 28 de agosto. No mesmo período do ano passado, foram registrados 11.062 casos, com 2.007 mortes por influenza. Os dados sobre a circulação da gripe no país foram divulgados hoje (6) pelo Ministério da Saúde. Segundo a pasta, neste ano o vírus com maior circulação, até o momento, é o H3N2. No ano passado, o vírus predominante foi o H1N1. Para o ministro da Saúde, Ricardo Barros, a baixa circulação da gripe no país desmobilizou a busca das pessoas pela vacina. “Quando a incidência é baixa, não há esse alerta, as pessoas relaxam e acham que não vão ter problema. Mas a vacinação é fundamental, e a cobertura deve ser melhorada”, disse Barros. Na campanha deste ano, foram vacinadas 51,8 milhões de pessoas, uma cobertura de 87,5% do público-alvo definido pelo Ministério da Saúde. A campanha foi realizada de 17 de abril a 26 de maio e prorrogada até 9 de junho.

Devido à baixa procura dos públicos prioritários, o Ministério da Saúde autorizou estados e municípios a ampliar a vacinação para toda a população. O objetivo foi evitar o desperdício de doses, uma vez que a vacinação é mais efetiva antes do início do inverno, época de maior incidência da doença. Segundo Barros, o Ministério da Saúde investe R$ 4 bilhões ao ano para fornecer os 19 tipos de vacina do calendário vacinal. (AgênciaBrasil)

Comentários da Notícia: