segunda-feira, 23 de outubro de 2017


Um estudante de 14 anos ateou fogo em uma escola no município de Feijó, interior do Acre, na madrugada do último sábado, 21. Segundo a polícia, ele provocou o incêndio após ter sido repreendido por um professor por chegar atrasado em sala de aula.

A Escola Estadual Rural Vicente Brito de Sousa ficou completamente destruída, tanto o imóvel como o material didático, computadores e o estoque de merenda. Ninguém ficou ferido, mas cerca de 100 alunos ficaram sem aula nesta segunda-feira, 23. 

De acordo com a polícia, o jovem teve a ajuda de Carlos da Luz Ribeiro, de 19 anos, que foi preso e levado para a penitenciária de Feijó. O estudante foi encaminhado para um centro socioeducativo para reabilitação de menores de idade. (Estadão)

Comentários da Notícia: