segunda-feira, 23 de outubro de 2017

O Instituto Datafolha atestou, por meio de pesquisa, que os evangélicos preferem votar na ex-ministra Marina Silva (Rede) e no deputado Jair Bolsonaro (PSC). Lula, que segue na liderança da pesquisa, vê seu desempenho piorar com os que professam religiões evangélicas.

No quadro geral, Lula tem pelo menos 35% das intenções de voto nos cenários nos quais seu nome é testado. Numa simulação em que só evangélicos iriam às urnas, ele continuaria o mais bem posicionado, mas com 29% de menções na sondagem estimulada –na qual são exibidos cartões com nomes dos candidatos.

Nos dois casos, Bolsonaro e Marina disparam na preferência evangélica, com pelo menos 21% e 17% das intenções de voto, respectivamente –quando Lula está na jogada, ainda que por margem estreita, católicos preferem o deputado à ex-senadora.

Em possível impedimento de Lula, Marina Silva lidera a corrida dentro do grupo com 27% das intenções de voto. Bolsonaro vem em segundo lugar, com 23%.

O Datafolha ouviu 2.772 pessoas em 194 municípios. (Bahia.Ba)

Comentários da Notícia: