domingo, 29 de outubro de 2017




O governo federal é dono de 10.304 imóveis no País e alguns no exterior, mas 80% desses prédios estão vazios. Ainda assim, com tanto imóvel ocioso, o Executivo federal gasta R$ 1,6 bilhão por ano com aluguel para abrigar órgãos públicos, especialmente no Norte e Nordeste. A Bahia ocupa a terceira posição no ranking dos imóveis desocupados: são 1.012 imóveis comerciais, residências, salas, galpões e terrenos que podem ser vendidos, alugados ou cedidos pela administração pública federal ou, ainda, disponibilizados para o uso privado (seguindo regras específicas para essa finalidade).

As informações são do próprio Ministério do Planejamento. Procurado por A TARDE, o ministério informou que "está trabalhando para reduzir a despesa anual de R$ 1,6 bilhão com aluguel, ocupando ou negociando os imóveis próprios que estão vazios, como parte da estratégia para reduzir gastos”. Em maio, por exemplo, 24 apartamentos de dois a quatro quartos e uma casa no Lago Sul, área nobre do Distrito Federal, foram colocados à venda, por meio de editais.

Outra estratégia para ocupar os imóveis vazios "é trocar prédios alugados por outros de propriedade da União". Para isso, a Secretaria de Patrimônio da União (SPU) está negociando permutas com proprietários dos imóveis locados que hoje são ocupados por órgãos públicos. (Atarde)

Comentários da Notícia: