quarta-feira, 1 de novembro de 2017

Os trabalhadores da fábrica de calçados Daiby, que encerrou suas atividades no mês de setembro de 2016 em Amargosa, começaram a receberam parte do valor das verbas rescisórias. A equipe de reportagem do AmargosaNews que acompanha de perto esta situação (leia aqui), confirmou a informação com Presidente do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias e Empresas de Fabricação de Produtos, Montagem de Calçados e seus Componentes do Estado da Bahia (Sintracal), Jeane Costa.

Segundo ela, aproximadamente 30% do valor total do valor das rescisões ficou disponível na conta dos trabalhadores nesta quarta-feira (01). Ela informou ainda que algumas pessoas não receberam em função de problemas em suas respectivas contas. Outros 73 ex- funcionários não apareceram após o fechamento da empresa. Nestes casos, a presidente do Sintracal explica que será feita uma convocação para que eles possam vir a receber o que lhes é assegurado por Lei. 

Ainda de acordo com Jeane, o valor que já estava depositado em uma conta na Justiça do Trabalho foi liberado na semana passada após um despacho da Juíza responsável pelo processo. A informação foi repassada pela direção do Sintracal para os trabalhadores na última sexta-feira (27), durante reunião  na sede da Aciapa. 

"Foram 14 meses de muita luta do nosso sindicato, do nosso setor jurídico que se esforçou para poder reunir e trazer para os processos os valores e fazer a quitação das verbas rescisórias. Nós continuaremos na luta para buscar o restante dos recursos e garantir que os trabalhadores recebam 100% do dinheiro que é seu por direito", disse Jeane Costa. (Redação AmargosaNews)

Comentários da Notícia: