• Após protesto em Brasília, prefeitos baianos conseguem R$186 milhões para municípios

    Repórter: AmargosaNews.com
    Publicado: sexta-feira, 24 de novembro de 2017
    A- A+




    Para fechar as contas deste ano, os 417 municípios baianos vão contar com R$ 186 milhões do Governo Federal. Os recursos são provenientes do Apoio Financeiro aos Municípios (AFM), no valor total de R$ 2 bilhões, por meio de Medida Provisória e foram conseguidos após protesto de 401 prefeitos da Bahia em Brasília no último dia 22. O repasse deve estar disponível nas contas municipais no próximo dia 15.

    Para o presidente da União dos Municípios da Bahia (UPB) e prefeito de Bom Jesus da Lapa, Eures Ribeiro, o montante vai amenizar, mas não será capaz de solucionar o problema financeiro enfrentado pelas gestões municipais baianas. Os recursos obtidos são metade do que havia sido inicialmente reivindicado. "Isso significa que a nossa luta é constante e contínua", disse Eures através de nota.

    Esses recursos obtidos serão investidos no fechamento das contas, no pagamento de décimo terceiro salário, prestadores de serviços, fornecedores e a manutenção dos serviços de saúde, educação e assistência social.

    Segundo o presidente da UPB, a união agora vai pressionar o Governo do Estado para antecipar para dezembro o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), que seria pago em janeiro de 2018. "Isso vai ajudar no fechamento das nossas contas", acrescentou. (Metro1)

    Categorias:

    POLÍTICA
  • Comentários