quarta-feira, 8 de novembro de 2017

Os vereadores Viviane Santana, Oldaque Maia, Val Cintra, Vera Lúcia e Luiz Antônio(Charuto), que compõe a base de oposição, protocolaram nesta quarta-feira (08), mais uma denúncia contra o prefeito de Amargosa, Júlio Pinheiro (PT). Desta vez, os vereadores acusam o gestor de improbidade administrativa por dois erros “graves”. Primeiro diz respeito a não realização de processo de licitação para a compra de medicamentos e a outra acusação se deve ao fato que a farmácia beneficiada em todas as compras pertence ao cunhado do prefeito.
De acordo com a Vereadora Viviane Santana, verificou-se um vício de compras e favorecimento, ao promover a dispensa de licitação repetidas vezes entre os meses de fevereiro e agosto, sempre no mesmo lugar, a Farmácia de propriedade do cunhado do prefeito. A somatória de valores, levantados no período, beira os 30 mil reais, o que fere a Lei de Responsabilidade, uma vez que, a dispensa pode ser feita até o limite de 8 mil reais ao ano. Os documentos entregues ao promotor Marcelo Miranda contém quase mil páginas, com publicações no Portal da Transparência que endossam a denúncia. (Com Informações do site Tvbahiainterior)

Comentários da Notícia: