Cármen Lúcia rejeita recurso e mantém prisão de Maluf




A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Cármen Lúcia, negou nesta quinta-feira (21) pedido da defesa para suspender a prisão do deputado federal Paulo Maluf (PP).

A ministra optou por manter a decisão do ministro Edson Fachin, que determinou, na última terça (19), o "imediato início" do cumprimento da pena de 7 anos e 9 meses de prisão numa condenação por lavagem de dinheiro.

No despacho, a magistrada rebateu os argumentos da defesa e classificou como "abuso" a nova tentativa dos advogados em tentarem recorrer.

Maluf se entregou à Polícia Federal em São Paulo e já teve a transferência determinada para uma ala de idosos do presídio da Papuda em Brasília. (Metro1)
Marcadores:
[facebook][blogger]

Author Name

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.