Coreia do Norte critica Trump por decisão sobre Jerusalém: ʹInsulto à legitimidade internacionalʹ




Após a polêmica decisão do presidente dos EUA, Donald Trump, de reconhecer Jerusalém como capital de Israel, o republicado foi alvo de duras críticas da Coreia do Norte. O governo do país afirmou, neste sábado (9), que a medida é um “desafio aberto e insulto à legitimidade internacional”.

As críticas de Pyongyang se uniram às da maior parte da comunidade internacional, por meio de uma declaração do porta-voz do Ministério de Relações Exteriores norte-coreano. O reconhecimento de Jerusalém como capital israelense e a transferência a esta cidade da embaixada americana nesse país “merecem a condenação e a rejeição global, já que representam um desafio aberto e um insulto à legitimidade internacional e à vontade unânime da sociedade internacional”, disse o porta-voz

A declaração, divulgada pela agência estatal norte-coreana KCNA, se refere a Jerusalém como Quds, o nome em árabe da cidade. O status de Jerusalém “é um assunto muito sensível que deve ser resolvido de uma forma justa que permita que o povo palestino recupere seus direitos, bem como alcançar uma solução duradoura e pactuada ao problema do Oriente Médio”, completa o texto. (Metro1)
Marcadores:
[blogger]

Author Name

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.