Operação contra desvio de recursos públicos mira dois deputados nesta quarta-feira



Uma ação da Polícia Federal (PF) foi deflagrada, na manhã desta quarta-feira (13), contra dois deputados federais. A operação, intitulada Ápia, foi solicitada pela Procuradoria Geral da República (PGR) e recebeu o aval do Supremo Tribunal Federal (STF). Ela investiga o desvio de recursos públicos direcionados a obras de terraplanagem e pavimentação no Tocantins.

Os alvos são Dulce Miranda (PMDB-TO), esposa do governador de Tocantins, Marcelo Miranda (PMDB-TO), e Carlos Henrique Gaguim (Podemos-TO). De acordo com a PF, os contratos sob suspeita ultrapassaram R$ 850 milhões. Desde o início do dia, os agentes estão nos gabinetes e apartamentos funcionais dos deputados. (Metro1)