• Chuvas de Verão se intensificam e causam estragos no interior da Bahia

    Repórter: AmargosaNews.com
    Publicado: sexta-feira, 5 de janeiro de 2018
    A- A+


    Cinco bois mortos após a queda de um raio durante um temporal no Sudoeste, onde a enxurrada arrastou carros e motos e alagou diversas vias. Um carro de passeio engolido por uma cratera que se abriu no meio de uma rodovia estadual no Oeste. Imóveis do Minha Casa, Minha Vida que foram destelhados no Norte.

    Esses são apenas alguns dos estragos causados por chuvas de Verão que caíram na Bahia entre as 9h desta quarta-feira (3) e 9h desta quinta (4). Segundo informações da Coordenação de Defesa Civil do Estado (Cordec), apesar dos estragos, não houve registro de pessoas feridas e nenhum município decretou situação de emergência por conta do temporal.

    O Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema), braço da Secretaria Estadual de Meio Ambiente (Sema), informa, em seu relatório diário sobre o clima no estado, que “o tempo na Bahia, nas últimas 24 horas, foi influenciado por sistemas meteorológicos de diferentes características, atuando em áreas distintas.”


    Na faixa Centro-oeste e Sul do estado, quem atuou com mais intensidade foi a umidade vinda da região amazônica e do Oceano Atlântico, onde deixaram o céu encoberto e chuvoso na maior parte dessa faixa, aponta o relatório do Inema.

    “Durante o período, os maiores volumes e chuvas foram registrados nas regiões Oeste, São Francisco, Sudoeste e Chapada Diamantina”, diz o relatório, segundo o qual a cidade onde mais choveu foi Vitória da Conquista, onde há sete pluviômetros que marcaram quantidades diferentes de chuvas. Leia mais no Correio.

    Categorias:

    Bahia
  • Comentários