Mulher suspeita de envenenar família com doce tem prisão preventiva decretada




Rosa Maria Dantas Melo, suspeita de envenenar uma família com um doce de leite, teve a prisão preventiva decretada pela Justiça. O crime aconteceu em junho de 2017, no município de Saúde, no norte da Bahia. A informação foi divulgada pelo Ministério Público da Bahia (MP-BA).

Uma das vítimas do envenenamento, identificada como Celso Alves dos Santos, passou mal após ingerir o alimento e morreu logo em seguida. A mulher de Celso, Catarina Caetano, e os dois filhos do casal também comeram o doce. Segundo o MP, eles só sobreviveram porque consumiram pouca quantidade do produto.

Ainda de acordo com o órgão, a suspeita teria colocado "chumbinho", veneno que serve para matar ratos, no doce. As investigações apontam ainda que Rosa Maria já havia tentado contra as vidas de Celso e Catarina em outra oportunidade, quando adicionou a mesma substância ao vinho servido ao casal. Na época, ela não obteve êxito, já que eles ingeriram pouca quantidade da bebida.

Conforme o MP, a suspeita está presa desde dezembro do ano passado em razão do pedido de prisão temporária. Ela foi denunciada por tentativa de homicídio e homicídio, "com emprego de veneno e dissimulação ou recurso que dificultou a defesa das vítimas". (ATarde)
Marcadores:
[facebook][blogger]

Author Name

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.