PF apura em inquérito de Temer e-mail sobre negócios da Rodrimar


Um relatório parcial da Polícia Federal incluído no inquérito que investiga a atuação do presidente Michel Temer (PMDB) na edição de um decreto sobre o setor portuário conta com a inclusão de um e-mail da Rodrimar, empresa investigada por ter se beneficiado com a iniciativa do governo.

Segundo a colunista Andreia Sadi, do portal G1, a mensagem foi apreendida durante a operação de busca em 2017 na casa de Rodrigo Rocha Loures, ex-assessor do Planalto que ficou conhecido como "homem da mala da JBS".

O objetivo da PF é descobrir o motivo de Rocha Loures ter guardado uma troca de e-mail entre o presidente da empresa, Celso Antonio Greco, e um advogado da Galotti Advogados, Fabio Fernandes. A mensagem é de outubro de 2016, quando Rocha Loures exercia o cargo de assessor especial de Temer na Presidência da República.

Em fase final, a investigação será analisada pelo Supremo Tribunal Federal (STF).