STF autoriza quebra de sigilos em inquérito que investiga Temer


O ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF) autorizou a quebra de sigilo bancário e fiscal de investigados no inquérito que apura se o presidente Michel Temer (MDB) beneficiou, com um decreto, empresas do setor de portos.

De acordo com a coluna de Andréia Sadi, no site G1, nesta segunda-feira (26), não há informações sobre as demais pessoas físicas e jurídicas que tiveram seus sigilos quebrados.

O ministro Barroso, que é o relator do caso no Supremo, atendeu a um pedido da Procuradoria Geral da República (PGR) feito em 12 de dezembro de 2017.
Marcadores:
[facebook][blogger]

Author Name

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.