Dilma, Ciro, Gleisi e outros têm pedidos negados para visitar Lula na prisão




Todos os pedidos de visita ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foram barrados hoje (23) pela juíza Carolina Lebbo. A magistrada também negou a entrada de uma comissão de deputados para vistoriar a Superintendência da Polícia Federal. O petista está detido desde o último dia 7.

Entre os pedidos, havia solicitação da ex-presidente Dilma Rousseff, da Senadora Gleisi Hoffmann e do presidenciável Ciro Gomes.

"Requerimentos de visitas que abrangem mais de uma dezena de pessoas, com anuência da defesa, sob o argumento de amizade com o custodiado", justificou. (Metro1)

Comentários