Bitcoin consome mesma quantidade de energia que cidade de SP




Cálculos matemáticos de alta complexidade processados continuamente por supercomputadores são responsáveis pela criação da moeda virtual bitcoin. Devido ao processo, a produção de uma criptomoeda gasta aproximadamente a mesma quantidade de energia elétrica consumida a cada hora pela cidade de São Paulo.

Os dados form divulgados pela pesquisa do economista holandês Alex de Vrie, especialista em bitcoins do Experience Center da PwC na Holanda, a rede de computadores envolvida na produção de bitcoins consome no mínimo 2,55 gigawatts por hora.

Com o crescimento do mercado, o autor afirma que o consumo de energia deve crescer até o fim de 2018 e alcançar 7,7 gigawatts – cerca de 0,5% do consumo mundial de energia elétrica. (Metro1)
Marcadores:

Postar um comentário

[blogger]

Author Name

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.