Governo não estuda mexer na política de preços da Petrobras, diz Padilha



Ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha afirmou hoje (28) que o governo não estuda modificar a política de preços da Petrobras.

A declaração foi dada após coletiva de imprensa no Palácio do Planalto. O ministro negou ainda que o governo poderá ceder a pressões para que Pedro Parente, atual presidente da estatal, seja demitido.
"Não está na pauta do governo sequer analisar a possibilidade", respondeu, de acordo com a Folha.

Comentários