Greve de rodoviários deixa Salvador sem ônibus nesta quarta-feira



A capital baiana amanheceu nesta quarta-feira (23) sem a circulação de ônibus urbano e com os pontos de ônibus cheios. Isso por conta da greve dos rodoviários, deflagrada em assembleia da categoria realizada na tarde de terça (22). A suspensão da circulação dos ônibus ocorre após diversas discussões entre a classe e os empresários sobre o ajuste salarial da categoria. Entre as principais demandas dos rodoviários está o reajuste salarial de 5%, além de 8% de aumento no valor do ticket alimentação. Os empresários, no entanto, recusaram a proposta e não apresentaram outra aos trabalhadores. O Tribunal Regional do Trabalho (TRT) determinou que ao menos 30% da frota de ônibus urbano circulem na capital e 50% dos trabalhadores em atividade nos horários de pico, nos períodos de 5h até 8h e de 17h até 20h. Para aumentar a frota de ônibus circulando na cidade, a prefeitura garantiu que 800 micro-ônibus irão rodar na capital. (BahiaNotícias)

Comentários