Jogador argentino é preso acusado de estuprar e matar enteado de 5 anos



A polícia argentina prendeu nesta quinta o jogador Gonzalo 'Chino' Aguirre, em uma localidade conhecida como Grand Bourg, a pouco mais de 30 quilômetros da capital Buenos Aires. O atleta do Atlético Defensores de Belgrano tem contra si acusações de estupro e assassinato. Segundo o Clarín, Chino teria cometido os crimes contra o enteado de apenas 5 anos de idade. As denúncias foram omitidas pela mãe da criança, Evelyn Brites, que afirmou à polícia se tratar de um acidente, mas investigações provaram que o jogador foi o responsável. Gonzalo teve prisão pedida pelo Ministério Público. Ele tem apenas 22 anos e atua pelo clube na série B Metropolitana. O Belgrano não emitiu nenhum comunicado sobre o o caso, até o momento. (Noticias ao Minuto)

Comentários