MEC autoriza Engenharia de Tecnologia Assistiva e Acessibilidade na UFRB




Foi publicada na edição do "Diário Oficial da União” desta segunda-feira, 14, a autorização do Ministério da Educação (MEC) para abertura de 60 vagas anuais no curso Engenharia de Tecnologia Assistiva e Acessibilidade na Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB).

O professor Teófilo Alves Galvão Filho do Centro de Ciência e Tecnologia em Energia e Sustentabilidade (CETENS), falou sobre a autorização “É um fato marcante pois trata-se do primeiro curso de Engenharia de Tecnologia Assistiva e Acessibilidade no Brasil. O curso existe já em diversos países e tem uma característica interdisciplinar, ou seja, ele trata de conhecimentos de diversas áreas. O curso aponta para a autonomia, qualidade de vida e inclusão social de um segmento da população que frequentemente está excluído. Então o desenvolvimento de tecnologias e de inovações em serviços que envolvem a área de tecnologias para Independência de pessoas com deficiência será muito importante para a sociedade”, disse.

Teófilo foi presidente da comissão de elaboração do Projeto Pedagógico do Curso de Engenharia de Tecnologia Assistiva e Acessibilidade do CETENS. É também membro do Comitê de Ajudas Técnicas da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República (CAT/SDH/PR).

Ingresso - A UFRB adota o Sistema de Seleção Unificada (Sisu) como forma de ingresso. O processo seletivo é realizado duas vezes ao ano, sempre no início do semestre através das notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Os interessados devem ficar atentos ao cronograma do Sisu.

Comentários