Polícia de Milagres prende acusado de assassinar mulher em Brejões




A Polícia Civil de Milagres, tendo à frente o delegado Ricardo Ribeiro e com apoio da Polícia Militar, prendeu na manhã desta terça-feira (22) um homem acusado de ter cometido homicídio há 13 anos na cidade de Brejões. João Silva dos Santos, de 65 anos, responde a processo na Vara do Júri, sob acusação de ter matado a própria companheira, Ana Lúcia Conceição, com um tiro no rosto.

O acusado confessou o crime e disse tê-lo cometido porque Ana Lúcia o traía. Em meio a uma discussão com a companheira, João dos Santos deflagrou um tiro de garrucha na face da mulher e em seguida fugiu. O crime foi cometido diante dos dois filhos do casal, que à época eram menores de idade.

Depois de cometer o crime, o homicida viveu em várias cidades, a exemplo de Planalto, Irecê e Iaçu, como se nada tivesse acontecido. Ele afirma que há três anos se estabeleceu em Milagres, onde trabalhava como motorista.

A prisão do criminoso se deu a partir do recebimento de denúncia anônima por meio do “WhatsApp Denúncia” da Delegacia de Milagres (75 98330-7958). “Quando soubemos da presença do acusado em Milagres, encaminhamos imediatamente ofício a Polinter, que confirmou a existência de dois mandados de prisão expedidos contra ele, os quais cumprimos nas primeiras horas desta terça-feira”, afirma o delegado Ricardo Ribeiro.

Depois de ser preso, João Silva dos Santos foi encaminhado para fazer exame de corpo de delito no Hospital Municipal de Milagres. O cumprimento dos mandados será comunicado ainda hoje à comarca de Amargosa, que atualmente responde por Brejões.

Comentários