Vítimas de desabamento de prédio, 178 pessoas receberão auxílio-moradia em SP



Após desabamento do edifício Wilton Paes de Almeida, no Largo Paissandu, em São Paulo, na última terça-feira (1º), 178 pessoas atingidas pela tragédia receberão auxílio-moradia da cidade de São Paulo. Um termo de adesão deverá ser assinado para que a quantia seja repassada. De acordo com a prefeitura, 97 eram moradores do prédio e 81 pessoas serão beneficiadas porque os imóveis foram interditados. O Corpo de Bombeiros, com 49 homens, continua no local em busca por cinco desaparecidos: um casal e uma mãe com seus dois filhos gêmeos. Na manhã de ontem (5), o corpo de Ricardo Oliveira Galvão Pinheiro, 39 anos, foi liberado pelo Instituto Médico Legal para sepultamento. Ele foi encontrado sob os escombros do desabamento na sexta-feira (4). Ricardo estava sendo resgatado pelos bombeiros, quando o prédio veio abaixo. A Justiça autorizou que moradores vizinhos ao prédio que caiu buscasse seus pertences em suas casas, que estão interditadas. (BN)

Comentários