Três países brigam pelas duas últimas vagas nas oitavas de final; saiba mais




A última rodada da primeira fase da Copa do Mundo, com quatro jogos por dia, acaba hoje (28). Ao todo, 14 países estão classificados para disputar as oitavas de final, em que cada jogo será eliminatório, no estilo mata-mata – ou seja, quem perder volta para casa.

No grupo G, Inglaterra e Bélgica já estão classificadas. No H, entretanto, três times brigam por duas vagas. Japão e Senegal lideram o grupo, com 4 pontos ganhos, e têm a vantagem do empate para seguir às oitavas de final, mas a Colômbia segue na briga.

Grupo H – Senegal e Colômbia se enfrentam às 11h, em Samara. O time de James Rodríguez, com três pontos ganhos, precisa vencer o africano para garantir a vaga.

Os colombianos até podem comemorar com um empate, desde que o Japão perca para a Polônia, que já não tem chances de classificação. O time asiático, líder do grupo, precisa de apenas um empate para seguir no torneio.

Grupo G – O jogo às 3h da tarde entre Bélgica e Inglaterra, já classificadas, será importante para observar a seleção que está mais bem preparada para a próxima etapa.

As duas equipes, cotadas para chegar pelo menos até as quartas de final, ainda não foram testadas na Copa do Mundo. Enquanto a Alemanha e a Argentina passaram por jogos mais duros, belgas e ingleses enfrentaram Panamá e a Tunísia, duas equipes inferiores tecnicamente.

Os dois times, no entanto, terão mudanças no elenco titular: os treinadores de ambos já avisaram que pouparão titulares. Na Bélgica, por exemplo, o artilheiro Lukaku, pendurado com cartão amarelo, ficará de fora.

A outra partida será uma despedida dos dois figurantes do grupo. Se há algum atrativo no duelo entre o Panamá e a Tunísia, ele é a chance de a agremiação centro-americana conquistar a primeira vitória em uma Copa do Mundo. Encerrado o jogo, as duas seleções voltam para casa.
Marcadores:

Postar um comentário

[facebook][blogger]

Author Name

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.