Trump defende mundo 'livre de tarifas'




Mesmo após a adoção de medidas protecionistas, como a imposição de sobretaxas ao aço e ao alumínio importado, o presidente americano Donald Trump afirmou hoje (9) que é favorável a um mundo “livre de tarifas”.

“É assim que deveria ser. Sem tarifas, sem barreiras, sem subsídios. É assim que se ensina na Wharton School of Business”, afirmou o americano, em uma referência a uma das universidades mais prestigiadas dos EUA.

A declaração foi proferida depois de uma negociação entre os líderes dos países que compõem o G7 (Alemanha, Canadá, Estados Unidos, França, Itália, Japão e Reino Unido), na qual os chefes do estados europeus tentavam convencer o americano a retirar as sobretaxas de importação do aço e do alumínio.

Apesar da fala, Trump não demostrou que vai repensar as tarifas. Ele voltou a defender a redução dos déficits comerciais dos EUA. “Nós somos como o cofrinho que todo mundo está roubando”, completou. (Metro1)

Comentários