Mesmo após localizados, meninos podem ficar meses presos em caverna




Os 12 meninos e o treinador de futebol isolados pela água há nove dias em uma caverna inundada na Tailândia vão receber alimentos para quatro meses e aulas de mergulho, de acordo com a Marinha local.

O grupo foi localizado na noite de ontem (2), com vida, no interior da caverna, cuja saída foi bloqueada por inundações.

Mesmo após serem encontrados, segue chovendo muito na região, o que dificulta qualquer operação de retirada da água do complexo de cavernas.

As crianças e o técnico podem precisar aprender a mergulhar ou ter que esperar meses até que as cheias retrocedam. *Metro1

Comentários