Brasil apresentou redução no número de acidentes de trabalho em 2017



Dados levantados pelo Observatório Digital de Saúde e Segurança do Trabalho do MPT revelaram que agentes químicos, máquinas e equipamentos são os principais motivadores dos 700 mil acidentes de trabalho que ocorrem por ano em todo Brasil. Em um período de seis anos – de 2012 a 2017 - foram registrados mais de 4 milhões de acidentes e, segundo a média, a cada 48 segundos ocorre um acidente no país. Esses casos resultaram na morte de quase 16 mil pessoas. Apesar dos dados alarmantes, em 2017, esse número apresentou uma queda.

O Observatório constou que foram registradas 574 mil comunicações de acidentes de trabalho no último ano. Em 2016, foram 585 mil, cerca de 2,8% a mais do que o ano seguinte. Apesar da queda, os dados são contestados por quem vive o dia a dia da Segurança do Trabalho. “Muitos casos de acidentes no trabalho não são divulgados. Se formos analisar com mais cuidado, é possível ver que esses acidentes são bem comuns”, pondera Emília Fernandes, técnica em Segurança do Trabalho.

Proporcionar um ambiente de trabalho saudável fisicamente e mentalmente é um dos desafios dos gestores, mas com o investimento em profissionais especializados é possível amenizar ainda mais essas estatísticas e promover a qualidade de vida nas instituições. “Onde existe trabalho, existe a necessidade de um especialista em Segurança do Trabalho”, defende Fernandes. (Correio24horas)

Comentários