Por Janaína, Bolsonaro admite rever proposta sobre aumento de número de ministros do STF




Em conversa com Janaína Paschoal, o presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) topou abdicar de teses polêmicas para atrair a advogada à chapa. Ela não concorda em aumentar de 11 para 21 o número de ministros do STF (Supremo Tribunal Federal).

“Penso que meu papel seria abrandá-lo. A caneta é do presidente. Mas, ao menos na minha área, parece que vai ouvir. Já reviu a ideia de aumentar o número de ministros. Bom sinal”, disse Janaína à coluna Painel da Folha de S. Paulo.

O deputado e a advogada também debateram a maioridade penal. Ele diz que Janaína só toparia reduzir de 18 para 16 anos se houvesse restrições. Segundo relatou, chegaram a uma média: 17 anos.

Janaína Paschoal pediu cópia do plano de governo do PSL para avaliar propostas para saúde e educação. A decisão precisa sobre a vaga de vice deve sair até o fim de semana. (Metro1)

Comentários